Em dois meses, conta de luz cai quase 8%, graças ao fim da sobretaxa

Em dois meses, conta de luz cai quase 8%, graças ao fim da sobretaxa

A conta de luz ficou em média 4,73% mais barata em janeiro, segundo os dados do IPCA, índice oficial de inflação, divulgado na manhã desta quinta-feira pelo IBGE. A queda ocorreu depois de um recuo de 3,09% em dezembro. Com isso, em dois meses, a energia elétrica já ficou 7,67% mais barata.

Das treze regiões pesquisadas pelo IBGE, somente em Porto Alegre foi registrada alta na energia elétrica em janeiro, de 5%. Isso ocorreu devido a um reajuste de 29,60% que entrou em vigor desde 21 de dezembro em uma das concessionárias que atendem à região. Nas demais regiões, as variações no preço de energia oscilaram entre -8,03% em Belém e -0,39% em Vitória.

Em janeiro, a bandeira tarifária na conta de luz ficou verde, ou seja, sem cobrança de taxa extra, o que deve continuar em fevereiro, graças à maior incidência de chuvas no país. Em dezembro, essa taxa extra havia vigorado no patamar 1 da bandeira vermelha, quando o consumidor paga um adicional de R$ 0,03 por cada kwh consumido.

O custo da energia acaba tendo impacto em outros preços. Segundo o gerente do Índice de Preços do IBGE, Fernando Gonçalves, um dos motivos que pode explicar a forte desaceleração nos preços da alimentação fora de casa — grupo que saiu de uma alta de 0,74% em dezembro para apenas 0,06% em janeiro — é a queda no preço de energia, que reduz os custos dos estabelecimentos comerciais.

Fonte: O Globo 

 

Voltar