Consulta pública: questões sobre a implantação do preço horário no mercado de curto prazo

Consulta pública: questões sobre a implantação do preço horário no mercado de curto prazo

O Ministério de Minas e Energia (MME) colocou em consulta pública o relatório "Levantamento de Questões sobre a Implantação do Preço Horário no Mercado de Curto Prazo" nesta segunda-feira (20/11/2017). As contribuições para a consulta poderão ser feitas até o dia 19 de dezembro de 2017.

O objetivo desse Relatório é apresentar, de forma consolidada e sistematizada, questões relacionadas ao impacto da implantação do preço horário no ambiente de mercado de energia elétrica, abrangendo inclusive rebatimentos do ponto de vista do planejamento, da operação e aspectos regulatórios.

As contribuições colhidas nessa consulta pública serão fundamentais para subsidiar as instituições setoriais – Ministério de Minas e Energia (MME), Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) – na tomada de decisão referente as suas competências, na regulação, no planejamento, na operação e na comercialização de energia, quanto aos aprimoramentos necessários para viabilizar a adoção do preço horário de forma segura e previsível.

Essa iniciativa é mais um passo na promoção da transparência e do diálogo que pautam a atuação da pasta.

Acesse a Consulta Pública nº 42, de 20/11/2017 AQUI.

Fonte: MME

Voltar