Conta de luz deve ficar na bandeira verde “por muito tempo”, diz ONS

Conta de luz deve ficar na bandeira verde “por muito tempo”, diz ONS

A bandeira tarifária da conta de luz deve permanecer na cor verde "por muito tempo", segundo uma declaração do diretor-geral do Operador Nacional do Sistema (ONS), Luiz Eduardo Barata, feita na quinta-feira (6).  

A bandeira verde, que sinaliza que a conta de luz está sem custo adicional, está em vigor desde dezembro deste ano . Antes disso, a tarifa havia ficado, desde o mês de maio, entre as cores vermelha e amarela, quando há taxas extras na conta.

De acordo com Barata, a expectativa é de que a bandeira permaneça no patamar verde nos próximos meses, que marcam o início de 2019. "Estamos terminando este ano com condições muito melhores do que terminamos o ano passado. Então nossa expectativa é muito positiva mesmo", afirmou.

A saída das cobranças adicionais são motivadas pelo volume de chuva nas principais bacias do País, que está maior do que o registrado no mesmo período do ano passado. "[Além das chuvas], está entrando [aumento] na [capacidade de] transmissão de energia, as coisas estão caminhando bem", disse Barata.

Na semana passada (30), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que, apesar de os reservatórios ainda apresentarem níveis reduzidos, a expectativa é de que a estação chuvosa continue aumentando o nível de produção de energia pelas hidrelétricas e recuperando o fator de risco hidrológico (GSF). São essas variáveis que determinam a cor da bandeira tarifária a ser aplicada na conta. 

O sistema de bandeiras tarifárias foi criado para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de  energia elétrica . A adoção de cada bandeira, nas cores verde, amarela e vermelha (patamar 1 e 2) está relacionada aos custos da geração. Na bandeira amarela, o adicional nas contas de luz é de R$ 1 a cada 100 kWh utilizados; já no patamar 1, de R$ 3 e, no patamar 2, de R$ 5. 

Saiba como economizar na conta de luz

Apesar da boa expectativa do diretor geral doONS, a Aneel alerta que, mesmo com a bandeira verde, é importante manter as ações relacionadas ao uso consciente e combate ao desperdício de energia elétrica . 

Entre as recomendações da agência para economizar na conta de luz estão banhos mais rápidos ara quem usa chuveiro elétrico e optar por temperatura morna ou fria e a diminuição do uso de ar-condicionado. Outra sugestão é que o consumidor fique atento ao tempo em que a porta da geladeira fica aberta e que nunca coloque alimentos quentes em seu interior.

Fonte: Economia IG

 

Voltar